Chat with us, powered by LiveChat

Compliance imobiliário: entenda mais sobre o assunto

Você já deve ter ouvido falar sobre “compliance”, não? A sua empresa já o aplica? Basicamente, trata-se de uma série de regras e especificações que garantem que determinada empresa segue elevados padrões de qualidade. No ramo imobiliário, isso tem suas particularidades.

O compliance imobiliário engloba todo o planejamento para garantir a legalidade de um negócio. Por exemplo: verifica se o imóvel a ser alugado atende as regulações e leis existentes, se tem restrições em sua matrícula do IPTU, entre outras.

Ao longo deste artigo, veremos esse conceito com mais detalhes e as suas principais certificações no ramo imobiliário. Continue a leitura e confira como ele pode ajudar você a melhorar o atendimento aos clientes atuais e a conquistar novos!

Melhor reputação e imagem no mercado

Grandes empresas sempre destacam suas certificações ISO. Com isso, elas transmitem ao mercado muito mais credibilidade sobre os seus processos.

Essas certificações são como diplomas universitários para empresas. Quando uma companhia é certificada, isso mostra que ela domina o assunto e têm um alto nível de maturidade nos seus processos. Por isso o compliance imobiliário é importante: ele é capaz de mostrar que a sua gestora de imóveis adota as melhores práticas.

Isso se reflete não apenas no mercado, mas internamente à companhia. A empresa ganha notoriedade por ser aderente às normas e regulações vigentes. Assim, seus colaboradores sentem-se orgulhosos de trabalhar para ela.

Redução de custos

Compliance significa uma aderência ao mais alto nível de exigência de qualidade em processos. Nesse sentido, a empresa atenderá com folga as regulações existentes, que não são tão rígidas, ficando livre de multas governamentais.

Além disso, para atender as exigências de compliance a empresa tem de adequar seus processos internos para que sejam menos sujeitos a falhas, passando a cumprir melhor os seus contratos e reduzindo as indenizações e multas contratuais.

Investimentos mais eficientes

Por exigir uma pesquisa prévia antes de adicionar um imóvel à carteira, o compliance imobiliário assegura que os investimentos serão mais certeiros. Isso significa que imóveis com problemas na documentação ou mesmo na estrutura serão barrados logo de cara.

Ao descartar esses imóveis com alto potencial de risco, a empresa também mitiga riscos, conforme mencionado anteriormente, e economiza. Afinal, não será necessário tirar fotos, fazer anúncios e visitas para um imóvel que não é adequado aos objetivos da empresa.

Tomada de decisões mais efetivas

Nos últimos anos, vários escândalos de corrupção abalaram a imagem de muitas grandes empresas. Isso torna o compliance ainda mais importante no momento de tomar decisões efetivas, que permitam ao negócio sobreviver ao longo do tempo.

Com a bagagem analítica trazida pelo compliance imobiliário, é possível tomar melhores decisões. Isso porque essas informações direcionam a gestão de modo a fugir de negócios arriscados e com potencial de gerar perdas, tanto financeiras quanto de imagem.

Enfim, por tudo isso, ao adotar o compliance a sua empresa será capaz de acertar mais nas escolhas de imóveis, bem como no seu dia a dia. Isso reduz os riscos da operação e otimiza a lucratividade e a imagem do negócio, tanto perante o mercado quanto os seus próprios colaboradores.

Então, gostou da leitura? Se você ficou com alguma dúvida ou deseja acrescentar algo sobre o compliance imobiliário, deixe-nos um comentário!

GOSTOU DESTE ARTIGO?

Share on facebook
Share on Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Share on Linkdin
Share on pinterest
Share on Pinterest

DEIXE UM COMENTÁRIO

Join The Club!

mantenha-se informado sobre tudo que acontece

let's save the world together

%d blogueiros gostam disto: