Aprenda 5 dicas para aumentar a receita de uma empresa

Depois da crise, a economia brasileira começa a dar sinais de melhora, e isso significa que é hora de arrumar a casa. Quem “sobreviveu” deve rever os custos e as despesas para realocar os recursos financeiros de forma mais eficiente, além de encontrar formas de aumentar a receita da empresa. Muitos negócios acumularam dívidas nesse período, e agora é preciso renegociá-las e voltar a ter lucro.

Foi pensando nisso que decidimos elaborar este post. Queremos ajudar você a fechar mais negócios e trazer mais dinheiro para a sua empresa. Como vamos fazer isso? Utilizando as melhores dicas para aumentar as receitas. Confira!

Principais fatores que influenciam na geração de receitas

Basicamente, existem 4 fatores que influenciam nas receitas de uma empresa. São eles:

  1. o preço cobrado por seus produtos e serviços;
  2. a frequência de compra dos clientes (volume de vendas);
  3. o número de clientes fidelizados (base de clientes);
  4. o valor médio de cada compra.

O objetivo é que você eleve todos esses fatores, tendo o preço como um oscilador até encontrar o ponto de equilíbrio ideal entre os demais.

Diferença entre lucro e faturamento

Antes de descobrir como aumentar a receita da empresa, é importante esclarecer a diferença entre lucro e faturamento. Muita gente ainda confunde esses dois conceitos.

Todo dinheiro que entra na empresa é uma receita, mas pode não ser necessariamente por meio do faturamento. O mesmo acontece com o lucro. Todo faturamento (emissão de nota fiscal de venda) representa uma receita para o negócio (à vista ou recebível em médio ou longo prazo), mas não significa lucro.

Enquanto o faturamento é a concretização da venda por meio da emissão de nota fiscal, o lucro é o que sobra do valor dessa venda depois da dedução dos impostos (ICMS, ISS, COFINS, CSLL etc.), custos e despesas fixas e variáveis (salários, comissões, aluguel, estoque, energia etc.).

Melhores dicas para aumentar a receita da empresa

O aumento das vendas está diretamente ligado à entrada de receitas. Nesse contexto, atrair e fidelizar clientes é fundamental para a estratégia, mas você estará apenas “arranhando” a superfície.

Existem táticas que podem ser aplicadas para fazer com que os clientes comprem mais e a empresa registre uma boa entrada de receitas mensais. A seguir, você terá uma lista com dicas valiosas para desenvolver a sua própria estratégia. Acompanhe!

1. Dedique-se a conhecer melhor o seu cliente

Não adianta fazer uma promoção incrível se o cliente não gostar ou não precisar do produto ou serviço ofertado. Nesse caso, a empresa não consegue aumentar as vendas e não entende os motivos, achando que o mercado está ruim. No entanto, o erro pode estar nela própria.

Quando você se dedica a conhecer melhor o perfil do seu público-alvo, pode fazer campanhas promocionais mais adequadas aos desejos e às necessidades do consumidor, além de ofertar lançamentos que vão fazer os olhos deles brilharem. Você pode fazer isso coletando informações por meio de um cadastro e das redes sociais, armazenando-as em um banco de dados seguro e facilmente acessível — o que nos leva ao próximo tópico.

2. Use ferramentas tecnológicas a seu favor

O Business Intelligence é uma tecnologia muito utilizada por empresas de grande porte para automatizar a análise de dados. O sistema é capaz de cruzar as informações armazenadas e apontar as oportunidades e tendências que podem impulsionar o negócio.

Hoje essa ferramenta está mais acessível, e um grande número de micro e pequenas empresas, bem como startups, estão adotando o BI em suas estratégias corporativas. Você deve fazer o mesmo se quiser ter uma boa vantagem competitiva.

Além disso, identifique outras atividades que são realizadas manualmente e de forma repetitiva no negócio para automatizá-las. Ao fazer isso, você aumentará a capacidade de atendimento da empresa — isso quer dizer atender mais clientes simultaneamente e em menos tempo, o que pode elevar drasticamente o número de vendas concretizadas.

Pode parecer que você está aumentando os custos da empresa com isso, mas na verdade está fazendo um investimento. O retorno pode ser obtido rapidamente, já que o aumento do volume de receitas geradas será uma consequência natural da implementação desse tipo de ferramenta.

3. Aumente o ticket médio dos clientes

Com base nos dois tópicos anteriores, descubra como você pode fazer cada cliente aumentar o valor da compra toda vez que visitar a sua empresa. Por exemplo: você pode apontar fatores que valorizam o seu produto ou serviço e realizar vendas complementares (quando um produto ou serviço complementa outro).

No caso de um apartamento em condomínio fechado, ele pode ser valorizado pela localidade, acessibilidade, infraestrutura e segurança oferecidas. Além disso, você pode vender o serviço de decoração, complementando a compra do apartamento para o cliente.

Outra forma de aumentar o ticket médio dos clientes é oferecer um serviço permanente após a compra do produto, como a manutenção e portaria 24 horas, que pode ser cobrada em forma de um plano mensal. Isso vai gerar um faturamento recorrente e muito mais receita para o negócio.

4. Tenha uma consultoria

Profissionais especialistas em gestão empresarial que atuam fora da empresa — prestando serviços terceirizados de consultoria — são uma ótima oportunidade. Eles não têm os vícios que muitos gestores da empresa acumulam com o passar do tempo e oferecem uma visão mais abrangente do mercado.

Isso os torna capazes de encontrar riscos, ameaças e falhas que muitos não enxergariam, o que ajuda a empresa a implementar planos de correção mais rapidamente, bem como aproveitar melhor as oportunidades que surgem.

A empresa pode passar a agir de forma preventiva em vez de reativa, e alcançar um nível de eficiência suficiente para atrair mais clientes. O resultado deve ser o aumento das vendas com qualidade e o melhoramento do fluxo de receitas.

5. Invista em marketing

O marketing pode ajudar a empresa a atrair mais clientes, valorizar a marca, despertar o desejo do consumidor pelo produto ou serviço, gerar mais vendas, fidelizar clientes e muito mais. Sendo assim, não ignore essa estratégia. Seja offline — por meio de panfletos, folders, outdoors, busdoors, rádio e TV —, seja online — por meio de blogs, redes sociais e e-mail —, o marketing deve ser considerado.

Assim como as ferramentas tecnológicas e a consultoria, você pode terceirizar o marketing para ter resultados melhores e mais rápidos enquanto concentra seus esforços no que realmente importa: vender e gerar mais receitas.

Uma coisa que a crise nos ensinou é que a estabilidade nos negócios pode ser rapidamente desfeita se os gestores não focarem sempre em enxugar os custos e aumentar a receita da empresa.

O mercado muda constantemente, e você precisa mais do que apenas sobreviver a ele: precisa se destacar para ter sucesso. Isso pode ser difícil, considerando a competitividade atual. Sendo assim, coloque as nossas dicas em prática e eleve o potencial do negócio de gerar receitas.

Gostou das dicas para aumentar a receita da empresa? Então compartilhe este post com os seus amigos nas redes sociais e mostre o quanto você está antenado no assunto!

2 Comments

  1. 7 estratégias que devem ser seguidas para agilizar os contratos de locação – SnapSystems

    […] Dessa forma, é muito importante que os consultores e gestores mantenham a formalidade nas negociações realizadas, mesmo em caso de proximidade com o cliente. Isso evita problemas como irregularidades no contrato, que, em muitos casos, resultam em dificuldades para o negócio, podendo afetar seu resultado financeiro. […]

  2. Você sabe quais são os benefícios de um CRM imobiliário? – SnapSystems

    […] empresas que optam pela implementação da solução em sua gestão se destacam da concorrência, aumentam suas vendas e garantem desempenho de maior valor no […]

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: