O papel da inteligência artificial no mercado imobiliário

o papel da inteligencia artificial no mercado imobiliario

A transformação digital, hoje, é parte integrante das estratégias corporativas. Isso tem motivado a evolução constante da inteligência artificial nos softwares de mecanismos de buscas e de monitoramento das mídias sociais.

No mercado imobiliário, essa tecnologia pode ser usada para aproximar o cliente dos consultores, aumentar o conhecimento sobre os seus hábitos de consumo, melhorar a interação e gerar novas experiências.

Mas isso não é tudo. Descubra neste artigo como a inteligência artificial vem se tornando uma grande aliada das administradoras de imóveis!

O que é inteligência artificial?

A inteligência artificial (IA) é uma área da ciência da computação que foca no desenvolvimento de sistemas e máquinas inteligentes, reagindo a cenários externos. Algumas das funções atribuídas são:

  • coleta e manipulação de dados para entregar informações precisas;
  • planejamento de ações com base nos dados manipulados;
  • raciocínio de forma lógica;
  • reconhecimento de tons de voz;
  • solução de problemas.

O nível de inteligência artificial depende inteiramente do “deep learning” (aprendizagem profunda), que é um complemento ao machine learning (aprendizado das máquinas), e do processamento de linguagem natural. Usando essas tecnologias de forma integrada, os computadores podem ser treinados para realizar tarefas específicas, processar grandes quantidades de dados e reconhecer padrões que não seriam possíveis manualmente.

Dessa forma, a inteligência artificial possibilita que máquinas e sistemas aprendam com suas próprias experiências, ajustem-se às mudanças de cenário e realizem tarefas semelhantes às humanas.

Como a IA influencia na transformação digital?

transformação digital começou com processos simples. Envolvia apenas a digitalização de documentos e o armazenamento dos dados em planilhas e bancos de dados próprios. Porém, a inteligência artificial acompanhou a tendência, evoluindo e sendo incorporada aos sistemas e equipamentos à medida que o consumo por produtos e serviços digitais aumentava.

Internet das Coisas (IoT — Internet of Things), Big Data, Analytics, responsividade, mobilidade e chatbots são alguns exemplos de como a inteligência artificial está diretamente ligada à transformação digital. Quanto maior a automação, mais inteligente fica a tecnologia, despertando o interesse de pessoas e empresas.

O setor imobiliário pode ser positivamente impactado por essas mudanças. Imagine, por exemplo, que o consultor é procurado por um cliente enquanto está no meio de uma apresentação do imóvel para outro interessado. Ele pode ativar os recursos do autoatendimento e o cliente resolver grande parte de suas solicitações pelo celular, achando que realmente está falando com o profissional.

Quais são as tendências de IA para o mercado imobiliário?

Assim como em todos os segmentos da economia, a inteligência artificial vem sendo desenvolvida e aplicada estrategicamente ao setor imobiliário. Um exemplo disso é o uso de ferramentas de análises automáticas que cruzam as informações dos imóveis e dos clientes, indicando as melhores recomendações para cada perfil.

Além disso, os sistemas enviam essas oportunidades diretamente para eles. Isso facilita muito o trabalho dos consultores e libera tempo para que se dediquem às chances reais de fechar negócios.

A inteligência artificial também deve contribuir para as análises de crédito. Ferramentas de Social Score estão sendo cada vez mais desenvolvidas para coletar dados por meio das mídias sociais e outros ambientes de livre circulação de informações. É possível ter a renda presumida dos locatários, conhecer suas dívidas, atrasos de pagamentos e outras condições relacionadas.

O intuito é avaliar o risco de cada operação. Nesse caso, usa-se a positivação. Então, quanto mais alta for a nota do locatário, mais bem posicionado ele está financeiramente.

E não para por aí. A inteligência artificial é fundamental nos processos de conquista dos clientes, uma vez que proporciona estratégias para guiar cada interessado por uma jornada de compras até concretizar a locação do imóvel.

O mercado está cada vez mais competitivo e as administradoras de imóveis que considerarem a transformação digital agora podem contar com a inteligência artificial para se fortificarem. Uma boa forma de começar é migrando as operações para uma plataforma imobiliária.

Gostou das dicas? Tem algo a acrescentar? Compartilhe os seus conhecimentos e experiências nos comentários!

8 benefícios de ter uma plataforma imobiliária

x beneficios de ter uma plataforma imobiliaria

Nas administradoras de imóveis, muitos processos ainda são realizados manualmente e por meio de documentos impressos, o que aumenta o tempo de trabalho e os riscos de perdas de informações valiosas. Além de passar uma imagem de desorganização e controle limitado, muito da produtividade é afetada, o que diminui a força competitiva. Mas isso pode mudar ainda hoje. Já ouviu falar em plataforma imobiliária?

As tecnologias de software e internet evoluíram e, hoje, dá para gerenciar todo o negócio por meio de uma tela de computador. Basta usar o sistema certo. Então, descubra a partir de agora o que é uma plataforma imobiliária e por que seu negócio precisa dela!

O que é uma plataforma imobiliária?

Trata-se de um sistema desenvolvido e hospedado na nuvem (cloud computing) para funcionar online, que dá aos consultores imobiliários todo o suporte necessário para desempenhar suas funções com maior rapidez a eficiência. Porém, não estamos falando de qualquer software aqui. Muita gente acha que um sistema de gestão comum dá conta do recado, mas se engana, pois a plataforma imobiliária é desenvolvida para atender demandas específicas do setor.

Ao escolher a ferramenta certa, os profissionais ganharão navegação intuitiva, o que deve facilitar o trabalho até para quem não tem grandes familiaridades com recursos digitais. Além disso, poderão gerenciar o site, o portfólio de imóveis e a carteira de clientes ao mesmo tempo.

Quais são os benefícios de contar com essa tecnologia?

Agora que você já sabe o que é uma plataforma imobiliária, descubra as principais vantagens de incorporá-la ao seu negócio:

1. Permite melhor gestão das captações

Entre todos os processos desempenhados em uma administradora de imóveis, o controle das captações é um dos mais importantes e que mais exigem atenção. É preciso categorizar cada oportunidade entre residencial e comercial, disponíveis e alugados, quais são para venda e quais são para alugar, divulgação online e offline, controle dos documentos e outras informações relevantes.

Nesse caso, ao trabalhar com uma plataforma imobiliária, todas as informações serão digitalizadas e integradas em um mesmo ambiente. Registros, consultas, edições e remoções podem ser realizadas de forma muito mais prática e eficiente, reduzindo os riscos de duplicidades, por exemplo.

2. Aprimora o relacionamento com clientes

Outro pilar para o sucesso de uma administradora de imóveis é conseguir trabalhar bem, e de forma estratégica, o relacionamento com o público consumidor. O atendimento precisa ser ágil e sem falhas para gerar boas experiências em cada etapa. Esse objetivo pode ser facilmente atingido com a ajuda de uma plataforma imobiliária.

Ferramentas como agenda digital, funil de vendas e de desenvolvimento de estratégias para o pós-venda são alguns exemplos que tornam a tecnologia tão atrativa. No funil de vendas, por exemplo, os consultores imobiliários têm recursos suficientes à disposição para realizar prospecções, captações, propostas e fechamentos de venda e aluguel.

A agenda digital possibilita conciliar os horários de visitas entre os proprietários e os interessados em comprar ou alugar os imóveis. Já a ferramenta para estratégias de pós-venda guia os profissionais no desenvolvimento de campanhas mais específicas, ao enviar ofertas personalizadas aos clientes de acordo com o perfil de cada um.

3. Melhora o gerenciamento de contratos

Se a boa organização e administração dos processos é capaz de atrair mais clientes, uma gestão de contratos eficiente ajudará a empresa a fidelizá-los. Com a plataforma imobiliária isso fica mais fácil em razão das ferramentas que disponibiliza para gerenciar as datas de vencimento de cada acordo.

Por exemplo: o gerente de relacionamento pode configurar um alerta para disparar sempre que algum contrato de aluguel estiver a um mês do vencimento. A partir daí, ele pode avisar o cliente e enviar opções de moradias maiores e melhores, dando o tempo que precisa para pensar no assunto e tomar a melhor decisão.

4. Reduz o tempo de trabalho

Há alguns anos, o trabalho em uma administradora de imóveis era intenso. Sem ferramentas tecnológicas apropriadas, os consultores corriam de um lado para outro procurando documentos, precisavam fazer muitas tarefas burocráticas manualmente e, às vezes, acabavam se perdendo no meio de tantas coisas espalhadas.

Agora, isso mudou. A plataforma imobiliária é uma ferramenta ideal para quem atua no segmento, pois disponibiliza recursos digitais que permitem acelerar a produtividade. Ou seja, não há mais a necessidade de procurar informações em outros lugares ou usar planilhas eletrônicas para trabalhar. Essa integração ajuda a reduzir grande parte do seu tempo, o que resulta em mais contatos e negócios fechados por dia.

5. Centraliza as informações

A plataforma imobiliária inclui um banco de dados próprio, com todas as informações centralizadas em um mesmo espaço. Isso quer dizer que os profissionais podem consultar, adicionar, atualizar e excluir os dados necessários para o trabalho em um ambiente único e propício, reduzindo o esforço de pesquisas em diversos locais diferentes.

Por exemplo, os documentos de imóveis e contratos dos clientes podem ser digitalizados em formato de arquivo PDF e, em seguida, armazenados de forma organizada no banco de dados. Isso facilita muito o trabalho na administradora de imóveis.

6. Automatiza processos

Uma das maiores vantagens da plataforma imobiliária é a automação de tarefas que ela proporciona aos negócios. Graças a evolução da inteligência artificial, tecnologias são incorporadas ao software, que se torna apto a realizar diversas funções de forma automática. Assim, falhas humanas podem ser eliminadas dos processos.

Para isso, os consultores só precisam adicionar as informações necessárias e configurar a ferramenta para que ela execute as ordens certas no tempo exato.

7. Entrega mobilidade

Com o surgimento da cloud computing, muitas empresas estão se modernizando, criando estações de trabalho remotas. Ou seja, os profissionais podem trabalhar a partir de casa ou outro lugar, sem a necessidade de estarem presentes o tempo todo no escritório. Basta ter um celular ou tablet com acesso à internet nas mãos para consultar as informações e trabalhar no seu ritmo e horário.

Isso também tem favorecido a criação de planos de economia de custos, já que a infraestrutura física mantida pela empresa pode ser drasticamente reduzida.

8. É mais seguro

Diferentemente das tradicionais planilhas eletrônicas, a plataforma imobiliária permite que o gestor defina quem terá permissão para consultar, incluir, editar e remover as informações do banco de dados. Por meio de cadastros de logins e senhas individuais, cada profissional terá seu acesso exclusivo e monitorado. Todas as ações são rastreáveis e os acessos podem ser limitados ou barrados em casos de suspeitas.

Se houver a tentativa de algum hacker invadir o sistema, ele não conseguirá acessar as informações, pois o banco de dados é criptografado e cópias de segurança (backups) são armazenadas em servidores auxiliares para facilitar a rápida recuperação.

Como pode ver, a plataforma imobiliária é mais que uma ferramenta operacional, é uma estratégia para a empresa fortalecer a competitividade. Então, busque o apoio de um desenvolvedor profissional e garanta um sistema que realmente atenda às necessidades e demandas do negócio.

Pronto para começar? Entre em contato com a SnapSystems agora mesmo e aumente as chances de sucesso do seu projeto!